PENITENCIÁRIA MODULADA DE URUGUAIANA (PMEU) DEFLAGROU NO DIA DE HOJE OPERAÇÃO PADRÃO

 

Como é de conhecimento público, no ultimo dia (17) de janeiro foi encontrado nas imediações da Penitenciária Modulada de Uruguaiana (PMEU) próximo ao muro do modulo de vivência V2 lado externo, um artefato explosivo que, posteriormente, foi constatado se tratar de dinamite. Os mesmos utilizado em destruição de pedreiras, artefato com alto poder de destruição. E que, seguramente, seriam usados no resgate de líderes de facção criminosa, como destaca a Policia Civil.

Diante da gravidade do ocorrido, representantes da AMAPERGS Sindicato, juntamente com demais colegas lotados naquela casa prisional, reuniram-se e avaliaram que a situação operacional da PMEU como se encontra é insustentável e deliberaram por deflagrar uma operação padrão até que se tenha atendidas as demandas que foram levantadas nesta reunião e repassadas, mais uma vez, ao comando da SUSEPE pelo sindicato.

Colegas, tiros contra o muro do Presidio Estadual de Pelotas, apreensão de dinamites em Passo Fundo, Uruguaiana e Erechim. Somado a isso, o alarmante déficit de servidores, superlotação de praticamente todas as casas prisionais do Estado e os altos índices de criminalidade registrados no RS. Fazem com que AMAPERGS Sindicato oriente todos os servidores penitenciários gaúchos a seguir o exemplo dos colegas de Uruguaiana (PMEU), no sentido de que cada ato operacional executado dentro do sistema penitenciário seja precedido de uma criteriosa avaliação de cada protocolo de segurança prisional interno e externo, que sejam procedimentos padrões adotados e repassados pela própria instituição SUSEPE. Qualquer dúvida entre em contato com o sindicato ou procurem o Del. Sindicais da Amapergs na casa prisional.

#AmapergsNaLuta #OperaçãoPadrão #CaosPrisionalRS

 

 

Curta!

Insira seu Comentário